Jovem de 17 anos que atropelou e matou criança e feriu outra em Mirassol D´Oeste se apresentou a Polícia Civil


O menor S. de 17 anos, popularmente conhecido como (Bugrinho), apresentou-se na manhã da última sexta-feira, (14/12), na delegacia de Polícia Judiciária Civil de Mirassol D´Oeste acompanhado de seu advogado, onde prestou seu depoimento sobre o acidente que ocorreu por volta das 16:00 horas da última quarta-feira, (12/12), quando dirigia um caminhão placas CZC-7218, onde acabou atropelando e matando o pequeno Bruno Gabriel Leite Scheider, de apenas 11 anos.
Bruno estava em uma bicicleta, e levava na garupa sua irmãzinha de cinco anos, que também foi atingida. Ela foi socorrida e está hospitalizada no Hospital Regional do município de Cáceres, conforme informações não corre risco de morte.

As duas crianças trafegavam pela Avenida Presiente Tancredo Neves, sendo esta a principal avenida do município de Mirassol D´Oeste. O acidente ocorreu próximo a rodoviária.

O Jovem que causou o atropelamento é funcionário de um lava jato e foi buscar o mencionado caminhão em uma funilaria para efetuar a lavagem de seu chassi.

O veículo foi apreendido pela polícia e segundo informações não tinha nenhuma condição de trafegabilidade.

A polícia vai colher nos próximos dias além de (Bugrinho), os depoimentos dos proprietários do lava jato e da funilaria onde encontrava-se o caminhão.

O motorista alegou em seu depoimento que foi chamado pelo proprietário da funilaria para ir até a mesma buscar o veículo para lavar o seu chassi.

Informou também que chegou a passar pelas duas crianças que estavam na bicicleta, mas ao manobrar o caminhão para estacionar no pátio do lava jato, não conseguiu visualizar as crianças que passavam pelo seu lado direito. Onde veio a provocar o trágico acidente.

O Motorista informou que fugiu do local logo após o acidente pois temia sofrer algum tipo de agressão por parte das pessoas que vieram a aglomerar-se no local.

A polícia ainda aguarda o laudo da perícia para dar prosseguimento nas investigações e ouvir as duas testemunhas arroladas; sendo uma delas o pai das crianças.

Um Comentário

  1. josieli

    Meu deus to chocada com a morte do Bruno Gabriel, meu filho era colega de escola dele aqui em cruz alta rs. Estamos profundamente tristes em saber essa noticia um menino muito querido.

    Curtir

Deixe um comentário ...... opine sobre o que você acabou de ver

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s