Temporal destelha casas e destrói plantação


Teto de residência em Poconé foi praticamente arrancado durante chuva (Foto: Shyrlei Fonseca/moradora)

A forte que caiu sobre várias cidades de Mato Grosso acompanhada por vendaval tem causado estragos e assustado moradores. Em Poconé, localizada a 104 km de Cuiabá, por exemplo, pelo menos seis casas foram destelhadas nesta sexta-feira (14) com o temporal.

As residências são na Comunidade 21, área rural do município. A moradora Shyrlei Fonseca disse em entrevista que a chuva demorou praticamente meia hora, mas o suficiente para gerar pânico aos moradores. “Fechei toda a minha casa e comecei a ouvir barulhos nas casas vizinhas. Muitas telhas voando, teto despencando”, relatou.

A moradora contou ainda que a casa dela não foi destelhada e que não teve nenhum prejuízo com a chuva, no entanto, frisa que apenas em sua rua, várias residências foram prejudicadas. Apesar do susto, não houve feridos somente danos materiais.

Além de Poconé, a chuva também atingiu outras regiões, como Chapada dos Guimarães, a 60 km da capital. Na cidade mesmo não teve chuva, somente no entorno. Em alguns bairros de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, também teriam recebido a esperada chuva do caju. Já em Tangará da Serra, a forte chuva chegou a destruir uma plantação de tomate.

Vendaval derrubou telhado de residência  (Foto: Shyrlei Fonseca/moradora)
Vendaval derrubou telhado de residência (Foto: Shyrlei Fonseca/moradora)

O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/Inpe) prevê que o fim de semana deve ser de calor e chuva em parte de Mato Grosso. Neste sábado (15) em Sorriso, Guiratinga, Campinápolis e Cuiabá a temperatura pode chegar a 41°C. Já no domingo (16) em Tangará da Serra os termômetros podem variar entre 26°C e 37°C.

Deve fazer até 38°C em Apiacás, e a temperatura pode chegar a 39°C em Cuiabá. Ainda no domingo, em Aripuanã, há possibilidade de pancadas de chuva à tarde e a temperatura deve variar entre 27°C a 38°C.

Em Cuiabá, a situação não deve mudar já que o período chuvoso está previsto para começar somente em outubro, segundo o meteorologista do Inpe Olívio Bahia. Na capital, não há registro de chuva desde o dia 22 de junho. “Em Cuiabá podemos dizer que a chance de chuva em setembro é praticamente nula”, pontuou.

 

Clique no link e veja a surpresa do MAIS MIRASSOL para você https://maismirassol.wordpress.com/category/assim-e-a-vida/

Esse post foi publicado em Mirassol e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário ...... opine sobre o que você acabou de ver

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s